RECEITAS

Yakisoba Rápido

250g de Macarrão p/ Yakissoba 150g Frango 150g Carne 1 Dente de Alho ½ Xícara (chá) de Cenoura (1un) 1 Xícara (chá) de Pimentão (100g) 1½ Xícara (chá) de Brócolis (130g) 1 Xícara (chá) de Repolho ou Acelga (70g) ¼ Xícara (chá) de Shoyu ½ Xícara (chá) de Água ½ Colher (sopa) de Áçucar 1 Colher (sopa) de Maisena 1 Colher (sopa) de Azeite ou Óleo de Gergelim Sal e Pimenta á gosto

Modo de preparo

  1. Corte o pimentão em cubinhos, fatie a cenoura em rodelas finas, corte o repolho em cubos médios e fatie os brócolis (cozidos) e reserve.
  2. Corte a carne e o frango em tiras de espessura média e reserve.
  3. Tempere o frango com um pouco de Sal e Pimenta do Reino, aqueça um pouco de azeite e frite até que fique dourado e retire da panela.
  4. Adicione um pouco mais de azeite e frite a carne rapidamente até perca o tom avermelhado.
  5. Volte o frango para a panela, junte 1 dente de alho bem picado, as cenouras em rodelas, pimentão, óleo de gergelim, o shoyu e misture bem e deixe cozinhar até que levante fervura.
  6. Adicione o açúcar, o brócolis, repolho e o amido de milho dissolvido em água e cozinhe até que o molho fique bem cremoso.
  7. Em uma panela coloque bastante água e cozinhe o macarrão de acordo com as instruções do fabricante ou até que ele fique al dente ou seja: Macio porém firme.
  8. Escorra o macarrão e com ele ainda quente junte com o molho, legumes e carnes e misture bem, sirva logo em seguida com um pouco de gergelim e pronto!.

Observações

  1. Outras carnes: Faça suas substituições e deixe o yakisoba com a sua cara, se quiser fazer só de frango sinta-se livre ou se desejar tirar ou adicionar legumes e vegetais também não tenha medo, mas lembre-se que se for usar vegetais crus como o brócolis o ideal é cozinhar eles primeiro, ou se for o caso opte pelos congelados para facilitar ainda mais a receita. 
  2. Óleo de gergelim: eu acho que ele é fundamental, mas se você não tiver é claro que pode fazer sem. 
  3. Macarrão: Se não tiver macarrão de yakisoba, use alguma massa do tipo longa, até talharim pode servir, mas claro que com o macarrão certo o sabor fica muito melhor.
  4. Shoyu: Eu prefiro usar o light por ser menos salgado e ter menos sódio, mas isso é uma questão de gosto e não muda o resultado final, use o que você tiver acesso.
  5. Fritar o macarrão: Eu não gosto de fritar a massa, mas se você gostar assim, basta colocar óleo de gergelim em uma frigideira e fritar a massa até ficar levemente dourada e só depois juntar ela ao molho.
  6. Conservação: O ideal é consumir fresquinho claro, mas se precisar pode guardar na geladeira por até 3 dias, mas nesse caso talvez seja preciso adicionar mais molho quando for aquecer, já que o macarrão vai absorver boa parte do molho.
  7. Açúcar: Calma! Não fica doce, o shoyu é bem salgado e a quantidade de açúcar colocada na receita serve para realçar os sabores de tudo, essa pitadinha de açúcar faz muita diferença no sabor final, então se puder coloque!

Fonte: Receitas de Minuto